segunda-feira, abril 16, 2007

Eu, você sem luz

"Vieste aqui para julgar minha imagem, a qual assemelha-se a repetição de tua figura sobre a face da terra. A quilometragem já não marco mais, sou tão jovem quanto és. Interpreto-te pela vida, sou artista... Sou sim, um protagonista-coadjuvante. Faço o que fazes e faço brilhantemente. Disseste que não possuo cor, que me perco em meio a escuridão. Sou um filho da luz, sou herdeiro do sol. Venho de onde não imaginas e lá estou. Sou a escuridão de tua imagem num dia de luz e, assim, acompanharei a ti pelo resto de teus dias.
Eternamente, tua sombra."


Texto de Danilo Lima que gostei muito.

Marcadores: ,

3 Comentários:

Anonymous Lidiane disse...

"Sou um filho da luz. Sou herdeiro do sol".

Também gostei muito.

Beijo.

domingo, 22 de outubro de 2006 01:14:00 BRT  
Blogger Clara disse...

Adorei...

segunda-feira, 23 de outubro de 2006 12:49:00 BRT  
Anonymous Ana disse...

Genial!!

segunda-feira, 23 de outubro de 2006 14:27:00 BRT  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial