terça-feira, outubro 18, 2005

Perfil - I

Ela derrota a felicidade pelo cansaço. Confunde desejo com pecado. Alegria com loucura. Erra consigo para não errar com os outros. Culpa aos outros por errar consigo. Sonha acordada, se acorda sonhando. Não acredita em expectativas, ilusões. Não acredita em destino, compromisso. Olha pros dois lados antes de atravessar suas vontades. Refuga. Não decide, pede opinião. Fecha a porta de sua alma todos os dias, no mesmo horário. Espia pelo buraco da fechadura. Abre a janela, se esconde atrás da cortina. Sorri na sala, chora no quarto. Deseja chances que já tem. Teme impedimentos que não tem. Ignora a saída, esquece onde entrou. Não se entrega ao amor, espera que o amor a tome.

À noite, usa a coberta como quem veste um escudo.

Marcadores: , ,

29 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

'The Amorality of Web 2.0'
Nicholas Carr takes up intellectual arms against Web 2.0 in a provocative essay that frets that Web 2.0 cheerleaders "venerate the amateur and distrust the professional." He cites Wikipedia as essentially a ...
I am new to blogging, but I do have a web page with social on it, you can check it out thanks

terça-feira, 18 de outubro de 2005 21:22:00 BRST  
Anonymous leila disse...

Sim, moço, captou bem a inconstância do feminino...
Beijo meu.

terça-feira, 18 de outubro de 2005 21:25:00 BRST  
Anonymous Line disse...

Muito bom, Nando! "Olha pros dois lados antes de atravessar suas vontades." GENIAL! bjos!

terça-feira, 18 de outubro de 2005 23:46:00 BRST  
Blogger Cláudio B. Carlos (CC) disse...

Oi Fernando!

Gostei do texto.

Abraços do CC.

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 01:14:00 BRST  
Blogger Claudia Perotti disse...

Ih ... Será um espelho!
Uia!
Lindo texto!

Beijos

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 09:44:00 BRST  
Blogger I disse...

A insegurança, a insatisfação...todos nós nos sentimos por vezes assim, ou serei só eu?

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 11:14:00 BRST  
Blogger Claudio Eugenio Luz disse...

Sonhar acordado é esperar encontrar um grande amor.Olhar pelo buraco da fechadura é meio passo para abrir a porta.

..
belo
..
hábraços

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 11:54:00 BRST  
Blogger Cristiano Contreiras disse...

Inúmeras vezes já traguei a noite e usei o seu escudo...na verdade pura coberta dos sonhos lúcidos...

E sempre esperei o amor me absorver completamente...

abraço

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 17:55:00 BRST  
Blogger Dona Estultícia disse...

E à noite, ainda é ela? Lindo! E valeu pela visita. Qtoa ao vermelho, bem...é tema, é estética e é referências para o universo lá daquela dona... Abs.

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 19:47:00 BRST  
Blogger Princess disse...

Meu Deus !Quem será que fez esta mulher sofrer tanto?De quem é que ela foge?Do que sente culpa?Quem a feriu?Beijos Nando!

quarta-feira, 19 de outubro de 2005 22:28:00 BRST  
Anonymous Érico Fumero disse...

A frase inicial é fenômenica: "Ela derrota a felicidade pelo cansaço". A outra parte é poética.
Um abraço

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 07:16:00 BRST  
Anonymous edu disse...

ótimo. pra variar.

.
.
.

abraço e
apareça!

edu

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 08:22:00 BRST  
Blogger Dani F. disse...

Caro Fernando...
obrigada..mais uma vez pelas belas e úteis palavras deixadas no meu blog....
..é estou sonhando acordada....mas temo cada momento....voltar....

Um abraço,

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 08:54:00 BRST  
Blogger Gwen disse...

Meu Deus, que texto...!

sutil de palavras cortantes...
rasga e põe pra fora o que nao devia estar dentro!

reconheci alguém em algumas de suas palavras

texto fabuloso!

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 10:05:00 BRST  
Blogger Gwen disse...

p.s.: como um fernando que escreve como vc elogiou um texto feito por uma fernanda que escreve quinem eu?

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 10:07:00 BRST  
Blogger Yohanan disse...

Muito bonito. O texto está, realmente, bonito.
Não conhecia este espaço... mas espero voltar.
Obrigado pela visita ao Estrelas

quinta-feira, 20 de outubro de 2005 19:24:00 BRST  
Anonymous Valéria disse...

hoje especialmente queria ter me trancado em um recôndito escuro, no exato momento em que vislumbrei que um homem e uma mulhar podem sentir um pelo outro mais que amizade! quem sabe ainda aceitem uma carmelita lá naquele lugar delas né? rs um beijo
ps.: vc é um que tem me visitado?

sexta-feira, 21 de outubro de 2005 09:11:00 BRST  
Anonymous Anjinho disse...

Olá! :)
Bem como sempre muito bom nas palavras que usas!
Quando entramos aqui dá sempre vontade de ler mais! :)
Continua! :)

sexta-feira, 21 de outubro de 2005 10:42:00 BRST  
Blogger douglas D. disse...

E se a coberta nos é pele, o que resta quando amanhecemos mais cansados que a felicidade? Há uma colcha de retalhos no quarto vazio da nossa memória?

Sim, há um sopro de perda nisso tudo. O amor habita espaços estranhos. E nós, tolos e crentes, ainda esperamos que o amor nos tome...

sábado, 22 de outubro de 2005 01:15:00 BRST  
Blogger Rubens da Cunha disse...

êta, muito bom isso.
a frase final é um poema sozinho.
abraços
rubens

sábado, 22 de outubro de 2005 11:24:00 BRST  
Anonymous Déa disse...

Ela se deixa viver pela vida para não assumir os riscos que correria se resolvesse tomar as rédeas e vivê-la. Muitas pessoas, e não só mulheres, se contentam em apenas existir.
Bom final de semana.
Beijos

sábado, 22 de outubro de 2005 14:40:00 BRST  
Anonymous Liliane disse...

heheh, na minha infancia, minha coberta era meu escudo mesmo.
bjos

sábado, 22 de outubro de 2005 16:07:00 BRST  
Anonymous Anônimo disse...

Omar Simpson? No beer for Arab version of Homer
When an Arab satellite TV network, MBC, decided to introduce "The Simpsons" to the Middle East, they knew the family would have to make some fundamental lifestyle changes.
Freom Bloger
http://onlincure-premature-ejaculation.blogspot.com/

sábado, 22 de outubro de 2005 16:29:00 BRST  
Anonymous Gabi disse...

Cada vez mais sensíveis, cada vez mais poéticas: assim são usas palavras
Beijos de um admiradora.

sábado, 22 de outubro de 2005 16:30:00 BRST  
Blogger minina disse...

Oi mininu! q post, hein? vc escreve pacas mininu! confesso q me enxerguei em entrelinhas travessas! kkkkkkk, mas ñ todas! kkkkkkkk é fogo... todo mundo tem medo d viver, tantas vezes, mas uns conseguem abrir a janela e se deixar tocar pela luz do sol... q é viver... queima, mas na dose certa, faz um bem danado! adorei-te!
bjo grande, viu?

sábado, 22 de outubro de 2005 19:18:00 BRST  
Blogger v. disse...

obrigada pela visita...
concordo com o que disse sobre as escritas estarem próximas...
gostei do texto aqui. em breve lerei outros...

segunda-feira, 24 de outubro de 2005 10:06:00 BRST  
Blogger Helena disse...

Lindo poema, Fernando. Adorei isto:
À noite usa a coberta, como quem veste um escudo.

beijão,

Helena

quarta-feira, 26 de outubro de 2005 22:01:00 BRST  
Anonymous SATELLITE TV disse...

Like your blog. Found it searching for like minded souls out there.
All blessings, SATELLITE TV

domingo, 15 de janeiro de 2006 10:36:00 BRST  
Anonymous Anônimo disse...

SEU TEXTO É BELISSIMO!!! POSSO PEGAR EMPRESTADO PARA COLOCAR NO MEU ORKUT?

segunda-feira, 4 de setembro de 2006 21:48:00 BRT  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial